sábado, 19 de novembro de 2016

FRASES QUE RESUMEM A SEMANA PASSADA (ÉPOCA)

Snoop Dogg (Foto: Mireya Acierto/Getty Images/AFP)
“Madame presidente”
The New York Times,
 jornal americano, na manchete preparada para a vitória de Hillary — que, afinal, não ocorreu. O eleito é Donald Trump
“Às vezes, você perde uma eleição”
Barack Obama,
 presidente dos Estados Unidos e cabo eleitoral de Hillary Clinton
“É o acontecimento político mais chocante da minha vida”
Nate Silver,
 estatístico que, em 2012, acertou o resultado da eleição nos 50 estados americanos. Agora, Silver dizia que Hillary tinha 71,4% de chances de vencer. Mas perdeu
“Tremores de mudança, eleições vulcânicas”
Allan J. Lichtman, 
historiador que previa a vitória de Trump desde setembro. Lichtman usa modelos matemáticos de previsão de desastres naturais
“Essa derrota dói”
Hillary Clinton, 
candidata derrotada
“Trump é fundamentalmente um populista”
Steve Bannon, 
chefe executivo da campanha eleitoral de Trump
“Desqualificado, narcisista, misógino”
Richard Dawkins, 
cientista
“Piada que vira pesadelo”
Caetano Veloso, 
cantor
“Agora que ele é presidente, não posso”
Robert De Niro, 
ator. Antes da eleição, ele disse que queria dar um soco na cara de Trump
“O lado bom é que não podemos mais fingir estar livres de racismo e sexismo. Mas o que faremos agora?”
Jessica Chastain, 
atriz
“Teremos de nos adaptar, e é isso que faremos”
Mauricio Macri, 
presidente da Argentina
“Treino é treino, jogo é jogo. O treino é a campanha. O jogo começa agora”
José Serra, 
ministro das Relações Exteriores. Em julho, Serra disse que a vitória de Trump seria “um pesadelo”
“Abre-se um período de incerteza”
François Hollande,
 presidente da França
“Ótimo encontro, tremenda química. Melania gostou um monte da senhora ‘O’.”
Donald Trump,
 presidente eleito dos Estados Unidos. Ele e sua mulher, Melania Trump, visitaram Barack Obama e Michelle Obama, na Casa Branca
“Foi um pouco menos bizarro do que alguns devem ter esperado”
Josh Earnest, 
secretário de imprensa da Casa Branca, sobre o encontro entre Trump e Obama
“Nunca vou dizer que dessa água não beberei”
Roberto Justus,
 apresentador de O aprendiz. Também apresentadores do programa, João Doria Jr. conquistou a prefeitura de São Paulo e Donald Trump a Presidência dos Estados Unidos
“Em 2018, será o Brasil no mesmo caminho”
Jair Bolsonaro (PSC-RJ), 
deputado federal
“E que tudo mais vá pro inferno!”
Roberto Carlos,
 cantor. Pela primeira vez em décadas, ele cantou a música “Que tudo vá pro inferno”, para seu especial de fim de ano

DEDO NA CARA
“Não conhecíamos o país em que moramos”
Paul Krugman,
 economista ganhador do Prêmio Nobel em 2008, surpreso com a vitória de Donald Trump sobre Hillary Clinton
“Parem de dizer que estão chocados. Vocês querem dizer que estavam numa bolha e não prestaram atenção aos colegas”
Michael Moore,
 documentarista nascido no “rust belt”, região industrial dos Estados Unidos que decidiu a eleição a favor de Trump

Nenhum comentário: