terça-feira, 20 de setembro de 2016

TUDO COMO DANTES…

Mais realista que o rei
gargalhadas
O Banco do Brasil manteve, em relatório a clientes, a previsão de que a economia crescerá 2% no ano que vem, puxada pela maior oferta de crédito e pela volta dos investimentos.
A projeção está acima do 1,6% divulgado pelo Banco Central. E bem mais otimista que a média do mercado, que indicou 1,36% no Boletim Focus de hoje.*
(*) O Financista

VAI QUE É TUA, LEWANDOWSKI!

Defesa de réus da Lava-Jato celebra mudança na presidência do STF

Lewandowski assume vaga na 2ª Turma, que analisa recursos da investigação

charge-lewandowski
BRASÍLIA — A saída do ministro Ricardo Lewandowski da presidência do Supremo Tribunal Federal (STF) acendeu uma luz de esperança entre os advogados da Operação Lava-Jato. Fora da presidência, Lewandowski passa a integrar a Segunda Turma do tribunal, responsável por julgar processos referentes ao esquema de desvios da Petrobras. Ele assumirá a cadeira antes ocupada por Cármen Lúcia, que será a presidente do tribunal pelos próximos dois anos e, por isso, não integra nenhuma das turmas.
Na visão da defesa, a mudança na composição do colegiado pode significar mais chances de absolvição ou de concessão de habeas corpus. Até agora, nos julgamentos da Lava-Jato, Cármen Lúcia tem mantido uma postura mais dura com os investigados. A expectativa é que o novo ocupante da cadeira dê mais ouvidos aos argumentos da defesa.
Na maior parte dos julgamentos da Lava-Jato, os ministros da Segunda Turma seguem por unanimidade o voto de Teori. Foi o que aconteceu no julgamento da única denúncia que o colegiado examinou até agora, contra o deputado Nelson Meurer (PP-PR) e seus dois filhos, Nelson Meurer Júnior e Cristiano Augusto Meurer.*
(*) CAROLINA BRÍGIDO / ANDRÉ DE SOUZA

A PROPÓSITO

Lewandowski é vergonhoso

spon-lewandowsakinapto
Gilmar Mendes disse que foi “vergonhosa” a decisão de Ricardo Lewandowski de fatiar o impeachment:
“Considero essa decisão constrangedora, é verdadeiramente vergonhosa. Um presidente do Supremo não deveria participar de manobras ou de conciliábulos. Portanto não é uma decisão dele. Cada um faz com sua biografia o que quiser, mas não deveria envolver o Supremo nesse tipo de prática.”

E NO PAÍS DA PIADA PRONTA…

ELEIÇÕES 2016
pcdob
Jandira Feghali (PCdoB) ataca governo Temer e questiona contas da prefeitura carioca
Em entrevista no ‘RJTV’, candidata ressalta carência de moradias e admite que ‘pode ter havido’ corrupção na Petrobras, ‘mas que ela não deve ser usada para a condenação do PT’.*
(*) O Globo
A PROPÓSITO
No PCdoB, esse partidinho de aluguel, quando um parlamentar diz que é honesto, isso soa não como um princípio, mas como uma ameaça.

SIFU, JAPA!

Tribunal nega recurso de Okamotto para trancar denúncia da Lava Jato

Para desembargador João Pedro Gebran Neto, pedido do presidente do Instituto Lula para trancar a ação antes da análise de Moro sobre a denúncia é ‘inoportuno’ 
auto_sponholz-9
A defesa do presidente do Instituto Lula entrou com o recurso na quinta-feira, 15, um dia após a força-tarefa apresentar a acusação contra ele, o ex-presidente Lula, Marisa Letícia e outros cinco acusados de participar do esquema de corrupção na Petrobrás.
Na peça, os defensores de Okamotto alegam que os bens recebidos por Lula são considerados patrimônio público e, por isso, o dinheiro da OAS para bancar o armazenamento deles não poderia ser considerado vantagem indevida ao ex-presidente.
Como Okamotto é acusado de lavar esse dinheiro ao ter procurado a OAS para ajudar a guardar o acervo, sua defesa alega que a acusação contra ele não deve ser aceita pelo juiz da Lava Jato. Ao analisar o pedido, o desembargador Gebran entendeu ainda que estes questionamentos envolvem o mérito da denúncia, e que ainda não é o momento de analisar isso.
“Não vejo como, neste estágio ainda inicial, dar corpo à discussão, sobretudo porque relacionada ao mérito da ação penal”, segue o desembargador na decisão..
O advogado Fernando Augusto Fernandes, responsável pela defesa de Okamotto, afirmou que vai recorrer da decisão do desembargador e que também entrará com novos habeas corpus contra o juiz da Lava Jato.
“Há uma expansão de poder através da competência e continência mesclada por um clima midiático através de uma técnica de vazamentos e shows a contaminar o princípio do juiz imparcial e promotor natural. O TRF-4 não tem conhecido habeas corpus em vários casos, que a Constituição Federal garante, assim vai delongando a apreciação de abusos”, conclui Fernandes.*
(*) Mateus Coutinho e Ricardo Brandt – Estadão

SE SEGURA, MALACO

Só o começo
lula-chefe
Ministério Público já prepara outras denúncias contra Lula. A menção do procurador da República Deltan Dallagnol à centralidade de Lula no esquema de “propinocracia” investigado pela Operação Lava Jato não foi um libelo político, como entenderam os críticos de sua fala na coletiva de quarta-feira. O “preâmbulo” foi necessário, segundo integrantes da força-tarefa, para amarrar outras denúncias contra o petista que já estão em fase avançada. Os depoimentos de delatores como o senador cassado Delcídio Amaral e o ex-deputado Pedro Corrêa serão centrais nessas novas iniciativas do Ministério Público.*
(*) Vera Magalhães – Estadão
Fonte: http://www.contraovento.com.br/

Nenhum comentário: