quarta-feira, 14 de setembro de 2016

DEU NO JORNAL (BLOG "BESTA FUBANA")

SEM DEIXAR SAUDADES

Ricardo Noblat
Não ficará boa lembrança na história do Supremo Tribunal Federal da passagem por sua presidência do ministro Ricardo Lewandowski.
O que marcou sua gestão foi o corporativismo. Culminou com a defesa do injustificado aumento salarial para ele e seus pares.
Lewandowski esvaziou o Conselho Nacional de Justiça e, no que pôde, funcionou no Supremo como advogado dos interesses do governo.
Pagou pedágio muito além do que poderia ter sido razoável por conta de sua indicação para ministro pelo casal Lula da Silva.
Comportou-se mal como comandante de um poder soberano. E, por último, conspirou contra a Constituição ao permitir o fatiamento do impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff.
lewandowski
Fonte: http://www.luizberto.com/

Nenhum comentário: