domingo, 31 de julho de 2016

AGAMENON (BLOG DO AGAMENON - CASSETA.COM.BR)

Blog do Agamenon

AS OLIMPÍADAS DO PREFEITO

Estava em Brasília no churrasco de autodespedida do quase ex-deputado Eduardo Cunha. Cheguei cedo, mas, infelizmente, não fui o primeiro a saborear o famoso lombo da esposa do deputado, a jornalista de grife Claudia Cruz. Também não provei da batata do Eduardo Cunha porque, segundo o churrasqueiro da Polícia Federal, a batata ainda está assando. Enquanto isso, no Palácio da Alvorada, o clima também é de fim de festa. A quase ex-presidente, sem poder mais dar as suas pedaladas, está engordando a olhos e pneus vistos. Zica Roskoff passa os dias assistindo a séries do Netflix. A sua a favorita é Walking Dead, mas ela também curte Orange Is The New Black, que ela acompanha junto do seu advogado José Eduardo Cardozo, o Dr. Thomas
Turbando, que já viu todas as temporadas. Dilma fica ansiosa, pois quer saber quem vai ser presa no final, mas Turbando se recusa a fazer spoiler. Brasília está ficando desanimada e com as Olimpíadas o negócio é empurrar o meu Dodge Dart 73 enferrujado na direção do Rio de Janeiro. Apesar de convidado pelo prefeito Adoidado Paes, recusei ficar hospedado na Vila Olímpica. Os alojamentos são do tipo Minha Casa Minha Vida: não tem
parede, não tem luz elétrica, não tem água encanada e o custo da obra não tem teto.
Pelo que estou vendo, o Mico seria o único animal adequado para ser o mascote da Rio 2016%. O problema é que o prefeito Eduardo Capataes é incapaes de ficar de boca fechada. Quando abre a boca, só sai mer!@@#$%ˆ*ˆ&da. Parece a Baía da Guanabara. Depois tem que pedir desculpaes em vários idiomas, pois o prefeito do Rio é capaz de falar bobagem em várias línguas. A última do Dudu foi convidar a Luiza Brunet para ser a vice-candidata a prefeita na chapa do seu protegé, Pedro Paulo. Eduardo Rapaes acha que os dois podem fazer uma boa dobradinha.
29-07
29-07
Depois da ONU, o ex-presidente e quase futuro presidiário, Luisque Inácio Mula da Silva, também vai pedir proteção na Associação Protetora dos Animais.
Agamenon Mendes Pedreira é jornalista quatro estilos: peito, costas, golfinho e crawl.
Não tem a menor possibilidade do terrorismo internacional se dar bem no Brasil. É sem chance. Zero. Já está tudo explodido e detonado. Pode juntar o ISIS, o Hamas, o Hezbollah e o Al Qaeda tudo junto não chegam nem perto da capacidade de destruição dos políticos brasileiros. Na verdade, na modalidade olímpica de terrorismo muçulmano explosivo, a equipe brasileira não tem nenhuma possibilidade de medalha. O Brasil é o único lugar do mundo em que os Mártires de Alá combinam atentados usando WhatsApp e Facebook. Terrorista brasileiro é tão burro que tira selfie para colocar no Instagram. Parece até a Dilma, que, aliás, também foi presidenta-bomba.
Caso o terrorismo internacional resolva se instalar de vez no Brasil também não vai dar certo. Os guerrilheiros vão ser obrigados a tirar CPF, o governo vai aumentar o imposto sobre o explosivo e ainda cobrar um IPVA extorsivo dos carros-bomba. Os homens-bomba, antes de explodir, teriam que tirar um alvará, além de cadastrar-se na Anvisa e no Detran. Os terroristas mais famosos seriam convidados a passar o fim de semana se autoexplodindo no Castelo de Caras para sair da depressão. Também seriam contratados para fazer anúncio de presunto da Seara, apesar do islamismo proibir o consumo de carne de porco. Terroristas ligados às “comunidades” seriam convidados do “Esquenta” da Regina Casé e dariam receita de bomba caseira no programa da Ana Maria Braga.
E tem mais: os terroristas concursados do estado, com direito à estabilidade, quinquênio, biênio e licença-prêmio poderiam se aposentar aos 35 anos de idade “devido de que” a periculosidade da profissão. Os terroristas estaduais do Rio de Janeiro entrariam em greve, pois não iriam receber as 400 virgens a que têm direito por acordo do Sindicato dos Terroristas, filiado à CUT. Para protestar, vão ficar na porta do prédio do governador tampão e tampinha, Chico Dornelles, ameaçando não se explodir durante os Jogos Olímpicos. 
 
Devo reconhecer que sou um fracassado. Devia ter escutado os conselhos da minha mãezinha: andar em más companhias, frequentar lugares sórdidos praticando delitos penais. Só assim eu conseguiria chegar a ser juiz ou mesmo desembargador e ter direito a esse aumento do Judiciário.
  Agamenon Mendes Pedreira é terrorista togado.

Nenhum comentário: